Monitoramentos

Os monitoramentos ambientais são realizados constantemente na área que abrange a Central de Gerenciamento de Resíduos de Araçariguama e seu entorno e são imprescindíveis para a manutenção e até melhoria da qualidade do meio ambiente. 

Monitoramos:

Qualidade das águas subterrâneas e superficiais –  para acompanhar e verificar as condições das águas do lençol freático que está sob a área do aterro sanitário. Quatro poços profundos foram estrategicamente escolhidos para a coleta das amostras de águas, que acontecem trimestralmente. O monitoramento de águas superficiais é realizado trimestralmente, permite acompanhar as características do manancial existente próximo ao terreno do aterro sanitário e garantir qualquer interferência sobre este corpo d'água. Para realizar este monitoramento foram selecionados 5 pontos de coleta de água, sendo dois antes da área do aterro sanitário e 3 após, permitindo a comparação das características e verificação de suas condições. 

Fauna e flora – este monitoramento começa a ser realizado antes mesmo da instalação do aterro sanitário, iniciado com o reconhecimento das espécies existentes na região, trimestralmente, por uma equipe de biólogos responsáveis por efetuar as pesquisas na área do entorno do aterro sanitário para a verificação das espécies, de forma a garantir que o aterro sanitário não interfira negativamente na fauna e na flora, buscando a manutenção das espécies e/ou seu aumento.

Ar e ruídos – um monitoramento que começa a ser realizado no início na fase de implantação do aterro sanitário, com a instalação de equipamentos com a capacidade de analisar o nível de ruído produzido pelas atividades do aterro sanitário, garantindo que esteja dentro do permitido em legislação e ainda que o empreendimento não cause emissões atmosféricas de poeira acima do permitido e de substâncias odoríferas, que possam causa incômodo à vizinhança.

Emissão de odores – realizado semanalmente em diversos locais fora e dentro do aterro sanitário, em localidades escolhidas estrategicamente, para este monitoramento são utilizados equipamentos para aferir a emissão de substâncias odoríferas com o objetivo de mantermos os odores dentro da normalidade.

Qualidade do chorume – O chorume é o líquido resultante dos resíduos orgânicos que são destinados ao aterro sanitário. Este efluente é armazenado temporariamente dentro da área do empreendimento, em uma lagoa e, posteriormente, enviado para tratamento em estações de tratamento devidamente licenciadas. Mensalmente, uma equipe terceirizada realizada a coleta de amostras do chorume armazenado e efetua análises de suas características, garantindo os padrões estabelecidos pela legislação brasileira, que são conferidos pelos órgãos ambientais competentes.

Todos esses monitoramentos são iniciados meses antes do início das obras e continuam a ser realizados anos depois do encerramento das atividades operacionais.